Boletim Missionários Sepal – Fevereiro 2017

Boletim Missionários Sepal – Fevereiro 2017

Romênia

bucareste-fev-2017O ano mal começou e Jorge e Virgínia têm motivos de sobra para engrandecer e agradecer a Deus por seus grandiosos feitos na Romênia. Somente no mês de janeiro, o casal  foi convidado a ministrar o curso de Discipulado Multiplicativo duas vezes.  Em Bucareste, 25 pessoas participaram do curso e na região da Transilvânia, uma igreja inteira.

Tem se tornado cada vez mais clara a visão para o povo romeno, “de ser discípulo que faz discípulos”, e o casal Jorge e Virginia têm a honra e o desafio de fazer parte desta história.

Abaixo, carta escrita por um preso do presídio de Jilava, discipulado pelo Jorge, publicada em uma revista cristã da Romênia.

Minha liberdade condicional já foi adiada, isto significa que Deus não me ama?

Durante um ano e quatro meses eu tenho participado de um estudo bíblico semanal com outros presos. Alguns deles deixaram o grupo dizendo: “Eu orei para ser solto, mas Deus não ouviu minha oração, então eu orei e estudei a Bíblia em vão”… infelizmente eu nunca tive coragem de dizer algo a esses companheiros, mas agora, escrevendo este artigo, penso o que poderia lhes dizer… estas pessoas procuram em Cristo uma solução materialista para suas necessidades, a sua libertação. Eu não quero minimizar o problema de estar na prisão, porque eu como deste mesmo pão, no entanto não há libertação rápida, tem que ser o propósito de Deus de aceitá-lo em nossas vidas, mas eu tenho que entender que Ele tem um plano melhor para mim. Talvez minha permanência aqui evite uma situação ruim, ou me impeça de cometer um grande pecado… então, como posso reagir se, como cristão tiver minha liberdade condicional adiada? Vou usar esse sofrimento para fortalecer minha fé, para orar mais e me aproximar mais de Jesus. Ele carrega todos os nossos fardos, mas para isso precisamos pedir sua ajuda.

Louvemos a Deus!

Portugal

maga-luz-fevereiro-2017Temos compartilhado em nossos boletins, notícias sobre o estado de saúde da missionária Magali Luz, em tratamento de um câncer.

A última tomografia do pulmão revelou o crescimento das lesões em tamanho e quantidade. Entre as opções para o tratamento estavam retomar a quimioterapia, ou avançar para um tratamento de radioterapia guiada por imagem. A segunda e melhor opção para o caso da missionária, não é coberta pelo Sistema Nacional de Saúde e têm custos financeiros altíssimos.

Entretanto, Deus em sua infinita bondade mobilizou irmãos no Brasil e em Portugal para viabilizar as despesas. No último dia 22 de fevereiro, Magali deu início ao tratamento na Fundação Champalimaud, o melhor Centro de Pesquisa para o câncer na Europa.

Continuemos a orar e agradecer a Deus por seu cuidado.

Textos dos missionários
Edição: Edna Ramos