Norte da África – Família Rios Celeste (outubro 2017)

Norte da África – Família Rios Celeste (outubro 2017)

…não se preocupem quanto ao que dizer, ou como dizer. Naquela hora lhes será dado o que dizer, pois não serão vocês que estarão falando, mas o Espírito do Pai de vocês falará por intermédio de vocês.” Mateus 10:19-20

De junho a 11 de setembro, a Família Rios Celeste viveu dias bastante intensos, mas muito felizes no Brasil, testemunhando e desafiando igrejas, por meio de suas experiências no Norte da África.  No final de setembro, de volta ao país, onde exercem o ministério, *ELIAS foi à polícia local verificar se o visto de residência, antes solicitado já estava pronto. Nesta visita, o missionário foi convocado para conversar com uma pessoa da polícia no dia seguinte. Durante os 15 anos que o casal exerce o ministério no país, esta foi a primeira vez que isso aconteceu. ELIAS e *SELMA participaram de dois interrogatórios (separadamente).

Apesar da tensão, aparentemente tudo ocorreu bem no interrogatório e continuam aguardando os vistos. Oremos por isso!

Saúde *Heidi

Recentemente HEIDI, a filha mais nova do casal, teve um desmaio repentino antes de dormir, a jovem ficou inconsciente durante um curto espaço de tempo, depois recobrou a consciência e seu estado normal. Naturalmente este fato deixou toda a família bastante preocupada, e deram início a uma bateria de exames, a fim de identificar a causa do mal-estar. Após análise dos exames realizados, nenhuma alteração foi encontrada, ainda assim, os médicos solicitaram um novo exame, um pouco mais detalhado, que será realizado em breve.

Escola Heidi e *Julia

Um dos maiores desafios para um missionário com filhos é a Educação no país, para o qual foram vocacionados, HEIDI E JULIA vão estudar em casa e online.  O plano familiar era que   permanecessem na escola onde estudaram nos últimos dois anos, mas não conseguiram alcançar a meta financeira para isso. Outra alternativa seria o ensino público, porém, alguns fatores as impossibilitam: são estrangeiras, as escolas exigem um nível altíssimo do árabe, e principalmente porque os professores agridem os alunos.

A família esteve em oração durante algum tempo e foi esta a direção que o Senhor lhes deu. Apesar da solução desafiadora, já que as meninas terão de estudar sozinhas, o valor é mais em conta.

ELIAS e SELMA estão confiantes de que ambas já estão maduras e continuarão a ter um excelente desempenho acadêmico, assim como foi nos últimos anos.

Motivos de oração:

  • Saúde de Heidi e toda a família
  • Sabedoria diante das autoridades locais
  • Paz em meio às situações complexas
  • Escola das meninas

*Elias, Selma, Heidi e Julia são os pseudônimos dos missionários, por estarem em país com restrição ao evangelho, seus verdadeiros nomes não podem ser revelados.


Texto: missionários
Edição: Edna Ramos
Diagramação: Paulo Ribeiro