Brasil – Steve e Anna Griffiths (Abril 2018)

Brasil – Steve e Anna Griffiths (Abril 2018)

No mês de fevereiro, os missionários Sepal/*OMF Steve e Anna Griffiths participaram de um evento de missões no Ceará.
(*www.omf.org)

Steve e Anna estão no Brasil desde março de 2017  e atuam na mobilização de missionários para a Ásia Oriental . Esta foi a primeira vez que o casal esteve no Nordeste do país.

Acompanhe o relato do casal sobre esta significativa experiência:

O Estado do Ceará, no nordeste apresenta um solo quente e seco, de poeira vermelha. Um tipo de  arbusto espinhoso presente em todas as partes, criam um ambiente único, conhecido como “caatinga”.

O analfabetismo é relativamente alto e a renda média está entre as mais baixas do Brasil. O banheiro do nosso anfitrião ficava no jardim dos fundos e  sem água corrente quente. As janelas não tinham vidros, somente um mosquiteiro.

Em um bate papo com alguns irmãos da região, o Steve perguntou por que não havia vidro nas janelas.  A resposta em tom de exclamação foi esta: Vidro nas janelas? Isso é um luxo. Nós não precisamos disso!”

No nordeste há uma culinária única e o sotaque do nordestino, é quase uma espécie de dialeto.  O Lampião era o líder mais famoso do cangaço, uma forma de bandidagem local  endêmica do  passado. Embora sua existência tennha sido marcada pela violência, continua a sustentar uma imagem de “herói justiceiro”.

Refletindo essa história, o Ceará integra o grupo de estados mais violentos do Brasil.

É no Nordeste que se concentra o maior número de católicos, as peregrinações na região atraem 3 milhões de peregrinos anualmente.Alguns misturam  o catolicismo com  elementos do espiritismo, Umbanda e Candomblé.

O Departamento da Igreja Evangélica de Confissão Luterana nos convidou para o Ceará, a fim de participarmos do Encontrão 2018, um evento destinado a  igrejas plantadas por brasileiros do sul trabalhando por longo tempo  no Nordeste. Participaram cerca de 100 pessoas no retiro, de regiões e faixas etárias diversas.

A maioria de origem simples e com histórico de divórcio, violência doméstica, abuso, drogas e passagens pela polícia, mas Jesus mudou suas vidas e eles queriam celebrar isso! O programa foi bastante tranquilo e agradável, com músicas bem alegres! A atmosfera era cálida e relaxada, com muitos risos e participação. O principal palestrante, Laércio Lins  vestido como todos os outros, usava um chapéu de couro, típico de um vaqueiro, tinha o sotaque local, falava com o violão na mão e intercalava o ensino da Bíblia com explosões de canto. Laércio se comunicava profundamente com os corações e mentes dos participantes. Foi uma oportunidade incrível para nós entendermos mais sobre o Nordeste, a variedade dentro da cultura e da linguagem, a igreja brasileira e esse movimento missionário.

Também tivemos a oportunidade de realizar dois seminários sobre a Ásia Orienta,l com cerca de 30 participantes. Os níveis de interesse eram altos com muitas perguntas e boas conversas depois, após a conferência, aproveitamos o tempo com um casal precioso, plantadores de igrejas no Nordeste do Brasil e com um interesse forte para servir na Tailândia!

Saiba mais sobre Steve e Anna Griffiths, acesse: http://sepal.org.br/missionarios/steve-e-anna-griffiths/


Textos: missionários
Edição: Edna Ramos
Diagramação: Paulo Ribeiro