Sessão 5: Dados locais, receptores globais: como integrar pesquisadores nacionais em pesquisas internacionais? – Lourenço Kraft

Sessão 5: Dados locais, receptores globais: como integrar pesquisadores nacionais em pesquisas internacionais? – Lourenço Kraft

Video 05 da Consulta Brasileira de Pesquisa Missionária, realizada em 29 de setembro a 02 de outubro de 2015. O evento, que teve o apoio da AMTB, Martureo, SEPAL e Movimento Lausanne, reuniu pesquisadores nacionais e também do Centro de Estudos do Cristianismo Global nos EUA e da OC International que buscaram entender os principais desafios missionários nacionais e mundiais no contexto atual.

Sobre o apresentador

Lourenço Kraft é Diretor Global de Pesquisa da OC International. Ele e sua esposa Estefânia residem na Inglaterra e lideram uma equipe que auxilia a igreja e o movimento missionário na utilização de informações úteis e confiáveis para o planejamento estratégico dos seus ministérios. Trabalha com equipes de liderança da Rede Internacional de Pesquisas do Movimento Lausanne e da Comunidade dos Obreiros da Informação Missionária. Lourenço e sua esposa serviram durante 17 anos como diretores de pesquisa da Sepal no Brasil e mentor Global de Pesquisa norte americana e brasileira.

Perguntas para o seu grupo de discussão

  1. Por que é importante saber quantos missionários transculturais brasileiros existem hoje? Qual a diferença se tiver 32.000 ou 6.000? O que a igreja faria de diferente?
  2. Por que precisamos saber quantas igrejas têm no Brasil e onde estão?
  3. Quais características da igreja de hoje seriam mais importante documentar e por quê?